abril 28, 2017

(Youtube) Sua voz!

Oi galera, tudo bem?Espero que sim.E espero que estejam seguros(as) da MEGA greve que teve hoje pelo Brasil.Mas hoje liberei um vídeo bem fofo lá no canal para esquentar esse clima frio de são paulo :) 
Espero que gostem!




Xoxo,

Carol

(Youtube) Girlboss: Série X Livro

Olá galera, tudo bem?Espero que sim.Talvez seja o último post em parceria com a Arqueiro, talvez não,rs.O negócio é que eles decidiram não renovar automaticamente as parceiras esse ano e isso significa que talvez eu perca.O último pacote veio ontem e gostaria de compartilhar com vocês minhas próximas resenhas <3



Xoxo,

Carol

abril 27, 2017

#Chegoooooooooooooooooooooooooooou! 17

Olá galera, tudo bem?Espero que sim.Talvez seja o último post em parceria com a Arqueiro, talvez não,rs.O negócio é que eles decidiram não renovar automaticamente as parceiras esse ano e isso significa que talvez eu perca.O último pacote veio ontem e gostaria de compartilhar com vocês minhas próximas resenhas <3






Xoxo,

Carol

abril 26, 2017

(Resenha) Girlboss, by Sophia Amoruso


Origem  NACIONAL
Editora  SEOMAN
Edição    1Ano 2015
Assunto  Biografias - Negócios
Idioma  PORTUGUÊS
Nº de Páginas   248


            Sinopse
Sophia Amoruso passou a adolescência viajando de carona, furtando em lojas e revirando caçambas de lixo. Aos 22 anos ela havia se conformado em ter um emprego, mas ainda estava sem grana, sem rumo e fazendo um trabalho medíocre que assumiu por causa do seguro-saúde. Foi aí que Sophia decidiu começar a vender roupas de brechó no eBay. Oito anos depois, ela é a fundadora, CEO e diretora criativa da Nasty Gal, uma loja virtual de mais de 100 milhões de dólares, com mais de 350 funcionários. Além da história de Sophia, o livro cobre vários outros assuntos e prova que ser bem-sucedido não tem nada a ver com a sua popularidade; o sucesso tem mais a ver com confiar nos seus instintos e seguir a sua intuição. Uma história inspiradora para qualquer pessoa em busca do seu próprio caminho para o sucesso.

Comprei esse ebook na Amazon por oito reais( promoção hiper legal,rs).Confesso que não conhecia o trabalho da Sophia, até algumas booktubers e youtuber famosas soltarem na internet que o livro viraria série no Netflix.Pronto.A vontade juntou com o vício pelas séries e virei uma madrugada inteira lendo esse conteúdo MARAVILHOSO.
No começo, temos uma cronologia da sua vida:data por data, Sophia conta todos os fatos importantes e relevantes para o seu crescimento profissional.Ela tinha uma vida bem maluca: não se dava tãaaao bem com seus pais e sempre ia parar na diretoria do colégio pelo seu comportamento rebelde.Acho que, parecida com todas as adolescentes, ela ainda estava descobrindo seu caminho e tentando tirar as pedras do seu caminho.



"Não vire gente grande.Não vire gente chata.Nunca deixe o sistema te dominar."


Logo no inicio, temos uma visão clara do quê a autora quer:mostrar como suas experiências pessoais interferiram no seu crescimento profissional.Não há dicas e nem tópicos de como ficar podre de rico ou famoso.E acredito que essa forma de nos apresentar á sua vida, fica bem mais próxima dos leitores e empreendedores né?
Sophia começou seu grande negócio assim: comprava algumas roupas num brechó, arrumava algumas coisas ali e aqui e então vendia por um preço maior pela loja da ebay.Tudo aconteceu muito rápido.Ela começou a montar seu próprio negócio digital e transformou-se num fenômeno da internet.O engraçado é que ela nem era formada em moda e muito menos tinha conhecimento no assunto; seu único caminho era um certo feeling para tudo isso.E mesmo assim, seu hobby virou um trabalho imenso.


"A energia que você vai gastar focando na vida de outra pessoa é mais bem gasta trabalhando sozinha.Seja apenas o seu próprio ídolo."


Sophia dá váááriiiias dicas de como descobrir-se nesse mundo empresarial.De como encontrar suas próprias alternativas e seguir de acordo com seu coração; sem planejar ou pensar muito.E fala,principalmente, para ser o seu próprio ídolo.É triste a forma como sempre nos comparamos com os outros né?Nunca nos achamos o suficiente para montar um negócio próprio.Como diz o velho ditado, a grama do vizinho é sempre incrível.
No livro também, há relatos das pessoas que trabalham na Nasty Gal( o nome da loja online da Sophia) e esclarecem como é lidar com a chefe no dia a dia e como a empresa influencia a vida de cada uma.

Há tantos assuntos abordados nesse livro que fica meio complicado dar uma continuação nos meus pontos positivos, mas uma das coisas mais legais é como Sophia se mostra vulnerável no livro: ela não tem vergonha de falar sobre seus problemas pessoais,e de como é tímida e introspectiva, mesmo tendo uma empresa IMENSA para lidar todo santo dia.Acho que a humildade dela faz com que nos conectemos com mais facilidade,hm?
Ponto negativo?Besteira, eu sei.Mas no começo de cada capítulo, ela coloca frases de motivação de algumas pessoas famosas, e isso inclui uma do Trump.Não dei like.

Em suma, esse livro apresenta um lado bem diferente do quê estamos acostumados(as) á ler.Pelo menos, na visão que tive da história,Sophia em nenhum momento surtou em detalhando cada parte disso.Ela não sabia que a loja iria dar certo.Ela não tinha ideia do quê ia acontecer: apenas investiu no seu hobby e trabalhou MUITO.Não é dom e muito menos sorte.É ESFORÇO.

Último ponto legal de ser analisado nesse livro também é a forma como aborda tudo.Desde o nascimento de uma empresa( e ela coloca como funciona mesmo, mas com base na experiências que teve) até o sucesso estrondoso que se tornou.
É o tipo de livro que dá um tapa na sua cara e de repente, você consegue dar andamento em todos aqueles projetos parados há séculos.Eu me motivei MUITO com as palavras dela.E você, vai ser uma Girlboss?

Xoxo,

Carol

(Projeto Mês Autor) Meg Cabot

Olá galera, tudo bem? O Projeto Mês Autor está começando e nossa primeira convidada será a querida Meg Cabot.A escritora mais linda desse meu mundão.Bora ver umas paradas maneiras da vida pessoal dela?


                                 



                                                                 Biografia de Meg Cabot
Meg Cabot (1967) é uma escritora norte-americana de literatura juvenil. Com diversos títulos publicados é conhecida principalmente pelo livro “O Diário da Princesa”, o primeiro da série do mesmo nome, que se tornou um best-seller.
Mag Patrícia Cabot (1967), conhecida por Meg Cabot, nasceu em Bloomington, Indiana, Estados Unidos, no dia 1 de fevereiro de 1967. Com sete anos de idade, escreveu seu primeiro conto “Benny the Puppy” (Benny, o Cachorrinho), para onde transfere um pouco da vida difícil passada na infância e na adolescência.

Graduada em artes pela Universidade de Indiana, mudou-se para Nova York, onde tentou seguir a carreira de ilustradora. Trabalhou em diversas funções até assumir a administração de um alojamento de estudantes da Universidade de Nova York. Nas horas vagas dedicou-se a escrever assinando seus livros com o nome de Patrícia Cabot.
Em 2000, Meg Cabot lançou seu primeiro livro da série “O Diário da Princesa”, dirigido ao público adolescente feminino. Nesse mesmo ano iniciou a série “Mediadora”, um livro que mistura ação, mistério e suspense sobrenatural, baseado na vida de uma jovem capaz de ver e falar com fantasmas.

Em 2001, o livro “O Diário da Princesa” foi adaptado para o cinema, tendo como protagonista a atriz Anne Hathaway. Em 2004 foi lançado “O Diário da Princesa 2”. Dando sequencia a série a autora publicou: “A Princesa sob os Refletores”, “A Princesa apaixonada”, “A Princesa a Espera”, “A Princesa de Rosa-shocking”, “A Princesa em Treinamento”, “A Princesa na Balada”, “A Princesa no Limite”, “A Princesa Mia”, “Princesa Para Sempre” e o mais recente “O Casamento da Princesa”.

A série “A Mediadora” que foi iniciada em 2000 reúne sete títulos: “A Terra das Sombras”, “O Arcano Nove”, “Reunião”, “A Hora Mais Sombria”, “Assombrado”, “Crepúsculo” e “Lembranças”. Uma coleção antológica que mistura ação, mistério e suspense sobrenatural, que conta a história de uma jovem, aparentemente normal, que se comunica com os fantasmas para ajuda-los a terminar sua trajetória na terra.

Meg Cabot é também a autora da série “Desaparecidos” iniciada em 2011, que conta a história de uma jovem que atravessando uma tempestade é atingida por um raio e adquire habilidades para achar crianças desaparecidas. A série consta de cinco títulos: “Quando Cai o Raio”, “Codinome Cassandra”, “Esconderijo Perfeito”, “Santuário” e “Missing You”.
Meg Cabot é autora de cerca de oitenta títulos publicados em diversos países, entre eles, Inglaterra, Brasil, França, Alemanha, Polônia e Japão. A autora já vendeu cerca de 25 milhões de livros no mundo, 1,5 milhões deles no Brasil. A escritora esteve no Brasil, no domingo 18 de outubro de 2015, para participar da Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica), na Bahia, onde autografou suas obras.
Biografia retirada daqui !

Xoxo,

Carol

abril 25, 2017

(Resenha #ProjetoMêsAutor) A Mediadora - A Terra Das Sombras, by Meg Cabot

Informações técnicas
Autor(a) Meg Cabot, Jenny Carroll
Título A Terra das Sombras
 Coleção   A Mediadora
Páginas    282
Edição 1
Editora Record
Ano 2004
Assunto Literatura Juvenil
Idioma Português

                          Sinopse
Suzannah é uma adolescente aparentemente comum que tem um problema com construções antigas. Não é para menos. Afinal, muitas dessas casas velhas são assombradas. E Suzannah é uma mediadora, uma pessoa capaz de ver e falar com fantasmas para ajudá-los a descansar em paz. É claro que esse dom lhe traz muitos problemas. Mas nem ela poderia saber a gravidade do que encontraria ao mudar-se para Califórnia. 

A história é narrada por Suze( apelido), uma adolescente que vê sua mãe casando-se pela segunda vez.Dessa vez, Andy, seu novo padrasto, trouxe um pacote completo: uma passagem de ida para Califórnia, e isso significa que Suze terá que largar sua escola e sua BFF em Nova York, junto com três irmãos patetas:Soneca,Dunga e Mestre.Claro que os apelidos foram inventador por ela secretamente( ninguém  sabe).Mas essa nem é a maior surpresa  da menina de dezesseis anos de idade.A casa nova( e a escola que irá estudar) tinham construções antigas, e isso só poderia significar uma coisa.


"Foi então que aprendi a minha primeira lição a respeito dos fantasmas:só eu sou capaz de vê-los." Página 31


Suzannah é uma mediadora.Meio que ajuda os espíritos perdidos á encontrarem a sua "luz".E a Meg Cabot retrata essa questão de forma irônica e leve, sem que pareça preconceituosa com questões religiosas.Pelo menos, eu não me senti ofendida em momento algum.

Suze descobre um fantasma bonito e interessante, chamado de Jesse, parado na porta do seu quarto, enquanto conversa com seus pais.E ela meio que sente uma atração-paixão por ele, mesmo que saiba a falta de possibilidades de um romance desses existir.Junto ás essas novas informações, Suze conhece a nova escola e finalmente encontra alguém do "nicho" dela.Padre Dominic, diretor da escola que a menina vai estudar, também vê fantasmas e meio que será um "tutor" para a Suze atrapalhada e completamente doida com os seres do outro mundo.Ela bate nos espíritos se eles não a obedecem; muita palhaçada né?

Envolvida numa história maluca: Bryce é uma espécie de paixonite errada, já que a ex-namorada dele está morta e agora quer assombrar Suze, a protagonista da nossa saga A Mediadora tem irmãos, uma casa bonita, pais unidos, amigos novos e até ficou popular no colégio.Mas só Deus sabe o quê vai acontecer dali para frente.
Uma características mais importantes dos livros da Meg são os personagens.Os protagonistas quase sempre são mulheres, e independentes e fortes.Há uma questão feminina muito clara em suas obras.

Em suma, gosto demais de ler as obras da Meg Cabot.Suas palavras sempre me dão ataques de risos e choro(rs) e seu humor sarcástico é D-E-M-A-I-S.Sei lá, queria dar um abraço nessa mulher e agradecer por ser tão fabulosa.
Espero que tenham gostado da resenha.

Xoxo,

Carol

abril 24, 2017

(Youtube) Caixa de Pássaros, by Josh Malerman

Olá, tudo bem?Espero que sim.Eu gravei( também,rs) a resenha do livro para o Desafio Mês Literário do mês de março( meio atrasada,eu sei).E espero que vocês gostem :)



Xoxo,

Carol

(Resenha #Desafio12MesesLiterários) Caixa de pássaros, by Josh Malerman





Informações técnicas
Autor(a) Josh Malerman
Título       Caixa de Pássaros
Páginas                    272
Edição                  
Formato Livro
Editora              Intrinseca
Ano 2015
Assunto Literatura Estrangeira/Romances 
Idioma       Português

                          Sinopse
Romance de estreia de Josh Malerman, Caixa de Pássaros é um thriller psicológico tenso e aterrorizante, que explora a essência do medo. Uma história que vai deixar o leitor completamente sem fôlego mesmo depois de terminar de ler. 

Basta uma olhadela para desencadear um impulso violento e incontrolável que acabará em suicídio. Ninguém é imune e ninguém sabe o que provoca essa reação nas pessoas. Cinco anos depois do surto ter começado, restaram poucos sobreviventes, entre eles Malorie e dois filhos pequenos. Ela sonha em fugir para um local onde a família possa ficar em segurança, mas a viagem que tem pela frente é assustadora: uma decisão errada e eles morrerão. 

O livro é narrado em terceira pessoa e conta a história de Malorie, vivendo em um mundo pós-apocalíptico.Ela está fugindo para um lugar "seguro" com suas crianças, com os olhos vendados.Provavelmente essa metáfora dos olhos fechados porque o mundo é muito feio lá fora, tem uma crítica forte diante de tudo que vivemos e passamos todos os dias,não é mesmo?

No meio dos pensamentos confusos e sombrios, conhecemos Shannon, irmã de Malorie.O pai dessas crianças não quer assumi-lás e por isso some.Vemos aqui o acontecimento da sua gravidez, e esse fato ocorre numa grande parte da história, em que a irmã de Malorie é morta por alguma criatura desconhecida( e é por isso que todos vivem de olhos vendados), e faz com que a mulher e suas crianças vivam numa outra casa com pessoas "confiáveis".



"Naquele instante, ela sente que o mundo inteiro está morto.Sente como se aquele barco a remo fosse  o único lugar onde há vida humana." Página 57 



Ninguém entende o quê está acontecendo com a humanidade: se há algum animal atacando todos ou tem algum homem  envolvido nesse caso misterioso, mas nos faz refletir sobre esse medo que temos do nosso cotidiano e de como não sabemos do  nosso amanhã  né?Ultimamente, as notícias tem sido bem violentas.

O impressionante desse autor( que eu não conhecia) é o bocado de sentimentos que nos proporciona.Foi meu primeiro livro de suspense e posso dizer que fiquei completamente agoniada á cada página para saber o que ia acontecer com Malorie.

Em suma, amei o livro e foi a primeira experiência mais viva que já tive,rs.Eu realmente senti medo.
Espero que tenham gostado da resenha.

Xoxo,

Carol

abril 22, 2017

(Youtube) Crises de Ansiedade

Olá galera, tudo bem?Trago o primeiro vídeo( depois da reforma do canal rs ) sobre comportamento e sei que MUITA gente vai se identificar.Acho que todo mundo já teve alguma crise de ansiedade e meu objetivo aqui é falar o quê faço para amenizar isso.



Xoxo,

Carol

abril 21, 2017

( Youtube) "O meu porquê"

Olá galera, tudo bem?Espero que sim.O vídeo de hoje é um resumo do 13 reasons why e como minha vida se infiltra nisso.Espero que gostem :) 


Xoxo,

Carol

abril 19, 2017

(Textos Meus) Tu

Tu é parte do que não descobri ainda.
Tu é parte do meu olhar sereno e coração agitado.
Tu é parte da música nunca escrita.
Tu é parte daquele verso que não sai da minha cabeça: uma linda canção de nanar.
Tu é parte da minha tempestade.
Tu é parte do céu colorido.
Tu é parte do meu abraço predileto.
Tu é parte do livro mais clichê.
Tu é parte do eu te amo.
Tu é parte do meu domingo tranquilo.
Tu é parte da poesia mais bonita: ás vezes, inteiro.
Tu é parte do que nunca quero saber.
Tu é parte do final que não pretendo desvendar;
Somos eternos.
Tu é trevo de quatro folhas.






Eu te amo <3

Xoxo,

Carol

(Youtube) Tbr Abril

Olá, tudo bem?Espero que sim.Eu estou de férias do trabalho e por isso estou gravando todos os dias e liberando vários vídeos durante a semana,rs.Esse daqui é o TBR de Abril e gostei de gravar minhas próximas leituras( ou o que devem ser, porque estou meio atrasada, rs).

Espero que curtam :)


Xoxo,

Carol

Lançamentos da Semana - Grupo Editorial Record









abril 18, 2017

(Youtube) Apresentação nova :)

Olá galera, tudo em paz? Espero que sim.Estou voooltando aos poucos para as redes sociais( porque sempre acontece algo e eu fico meio que parada no tempo,rs) e o youtube é minha grande batalha diária rs.Espero que vocês me acompanhem nessa nova jornada e que me dêem muitas dicas para um canal mais bonito e cheio de conteúdo bom :)



Xoxo,

Carol

(Além dos Versos) Tempo de abraçar, by Marcos Roberto


Olá pessoas, tudo bem?Hoje é dia de poooooooooooooesia.Trago aqui hoje mais uma poesia do meu amigo querido Marcos.Obrigada pelo apoio e pelos comentários maravilhosos.Já sabem, querendo enviar uma poesia para ser postada aqui é só falar comigo pelo carolina.hermanas@yahoo.com.br.Bora ler uma?













Tempo de Abraçar


Essa dor que invade o peito é sinal que o amor verdadeiro existe;
Que ele mora ali dentro e que jamais será arrancado;
Por mais que as surpresas e circunstancias da vida insistam em feri-lo;
Essa dor que invade o peito é sinal que o amor tinha raiz e deu bons frutos;
Por mais que tenha partido as sementes deste fruto sempre estarão em nosso coração;
Assim este amor sempre renderá bons frutos e frutos novos pelo resto de nossa existência terrena;
A felicidade existe;
Podemos mensura-la e almejamos viver sempre com ela;
Conseguimos medir e dizer o quanto felizes estamos;
É algo que nunca poderá ser tirado de nós, pois nosso pai nos faz assim;
A tristeza não existe;
É apenas um nome simbólico;
Um simbolismo que usamos para definir a ausência da felicidade;
Não podemos medir e não vivemos com ela;
Existe um tempo determinado para todas as coisas;
Esse controle não é nosso;
Por mais que não concordemos e nos revoltemos;
Tudo acontece no tempo certo, já estava determinado;
Depois, com mais calma, podemos sentar e refletir;
Veremos que na verdade o tempo de “deixar de abraçar “ nunca existiu;
Foi apenas uma condição física;
Mas saberemos que poderemos abraçar quem amamos sempre que nos recordarmos deles;
Virão em nossos sonhos, pensamentos, lembranças e tem moradia em nosso peito;
Por este motivo nunca deixarão de estar ao nosso lado;
Perceberemos que realmente o tempo de deixar de abraçar nunca existiu;
E quando o ausência de felicidade definida por nós como tristeza se aproximar poderemos dizer:
Apartai-vos de mim maldita, pois eu não te conheço.

Marcos Roberto Santos
31/07/2013

Xoxo,

Carol

abril 17, 2017

(Resenha) Erros Fantásticos - O discurso Faça boa Arte, by Neil Gaiman

                      
Informações Técnicas

NÚMERO DA EDIÇÃO 1
IDIOMA  Português
ANO DA EDIÇÃO 2014
Editora   Intrinseca


                                       Sinopse
Em maio de 2012 o autor best-seller Neil Gaiman subiu ao palco da University of the Arts na Filadélfia para fazer um discurso de formatura. Durante dezenove minutos ele dividiu com os formandos suas ideias sobre criatividade, bravura e força, encorajando os novos pintores, músicos, escritores e sonhadores a quebrar as regras, pensar de forma inovadora e, acima de tudo, fazer boa arte. O discurso virou um livro, idealizado pelo renomado designer gráfico Chip Kidd, que contém o texto inspirador de Gaiman na íntegra. Seja para um jovem artista no início de sua jornada criativa, ou como sinal de gratidão para um mestre a quem se admira, ou para você mesmo, essa obra é o presente ideal para quem dá tudo de si a fim de fazer bem-feito o que faz.



Comprei esse livro por quatro reais no amazon( pelo meu tablet) e li numa tacada só.A Pam Gonçalves indicou esse livro como THE BEST, mas sinceramente? não curti taaaaaaaaaaanto assim.O Neil fez um discurso para alguns alunos e colocou ali tudo que tinha aprendido sobre arte,marketing e paixão pelo que ama fazer.O livro é todo confeccionado; bem ilustrativo, e acho que a intenção é justamente animar a pessoa que procura um texto mais inspirador.O texto em si nos motiva bastante á sair da inércia e buscar o tão temido "dom", mas foi meio clichê sabe?De um jeito ruim, quero dizer.


Em suma, gostei do livro como um todo, mas acho que poderia ter sido um pouco mais desenvolvido, mesmo que tenha sido apenas um discurso.
Espero que tenham gostado da mini-resenha.
Xoxo,

Carol

abril 14, 2017

(Projeto Escrevendo Sem Medo) Abril!

 4) Abril:Um fato sobre mim para cada aniversário.
Você irá escrever uma lista. Se eu tenho 21 anos de idade, então vou escrever 21 fatos aleatórios – talvez interessantes – sobre mim.

O tema desse mês é tãaaaao complicado.Pensa numa coisa complexa: me descrever em 24 tópicos.Eu simplesmente não sei no quê isso vai dar, mas vamos lá,rs.


1) Eu AMO farofa.Sou malucaaaaaa,rs.
2) Sou poetisa desde os treze anos de idade.
3) Sou formada em Letras, mas não trabalho na área.
4) Eu namoro com meu melhor amigo.
5) Ele está morando e estudando no Rio de Janeiro.
6) Tenho alguns problemas com auto-estima.
7)Já conheci pessoas MARAVILHOSAS através desse mundão literário.
8) Já publiquei um romance chamado Cheiro de Sonho.
9) Estou escrevendo um projeto com um tema polêmico.
10) Sou de Escorpião.
11) Sou COMPULSIVA por livros.
12) Eu amo o frio, mas tenho amado o sol.
13) Descobri recentemente que amo pintar.
14) Eu sou tímida, mesmo não parecendo,rs.
15)Eu quero abrir uma editora
16) Eu quero conhecer Nova York antes de morrer.
17) Eu sou canhota.
18) Faço parte dum grupo de poetas chamado Poetas do Tietê.
19) Me sinto sozinha a maior parte do tempo.
20)Estou de férias do trabalho,rs.
21) Sou sensível
22) Eu amo o mar e as paisagens que Deus nos empresta.
23) Eu amo minha família.
24) Eu não aguento mais comer carne.

Xoxo,

Carol

abril 13, 2017

(Textos Meus) Eu sou ansiosa

       

Eu fiquei ansiosa.
Eu estou ansiosa.
Eu sou ansiosa.
E ponto final.
Sei que esse fardo não é só meu.Sei que o sentimento intocável de ansiar pelo amanhã e até por um futuro melhor resulta de muitos fatores mal construídos em nossas vidas.O coração treme.O corpo se arrepia com a possibilidade de algo( ou um sonho) se realizar após tanto tempo de espera.A ansiedade me consume.Horrível hm?

Um acontecimento bom.Um momento perfeito e esse sentimento complexo nos revira a cabeça.Não é saudável.A ansiedade nos deixa mais propícios á decepções; esperamos sempre mais: um tempo maior.Uma atitude inesperada.E quando não obtemos o que queremos, parece que a montanha-russa quebra no meio do caminho e tudo gira na direção contrária do quê deveria ser.Ou, do quê imaginamos ser.Complicado né?Imagina passar por isso durante vinte e quatro anos de sua vida.

A reforma íntima é diária.A sua fé, a sua auto-estima, a sua vulnerabilidade.As horas passam mais do que nosso momento de ânsia pelo o quê pode estar por vir.Parece simples desencanar de tudo e simplesmente deixar a vida acontecer.Por quê na maioria das vezes não conseguimos?O ciclo vicioso começa e tudo desmorona.

Primeiro defeito á ser trabalhado: aproveite agora.Isso.Esse pequeno fiasco de momento.Seja de sofrimento, seja de alegria, ou qualquer outro sentimento pertencente ao agora, APROVEITE.Clichê é a verdade de todas as pessoas que já passaram por isso.
Ah coração, por favor, só por hoje, pare de pensar no amanhã.
Só aproveita o agora.
E ficaremos em paz.

Xoxo,

Carol

abril 12, 2017

(Parceria Nuccia de Cicco) Últimas novidades!

Olá, querido/a leitor/a!

Conferiram as últimas novidades publicadas no blog As 1001 Nuccias? Não??

Não entre em pânico! Eu trouxe até vocês!
Resenhas e sorteios aqui!












Xoxo,

Carol

abril 11, 2017

(Além dos Versos) Dom não é loucura, by Carol Hermanas

Olá galera, tudo bem? Meu nome é Carolina e esta categoria ressalta as poesias que mais amo na vida.No caso, hoje, rs, resolvi colocar uma que eu mesma escrevi.Fala sobre uma mulher que encontrei na rua e o resto não posso falar porque senão é spoiler, mas gostei muito do resultado!Gostou da brincadeira?Quer participar?É só entrar em contato pelo e-mail carolina.hermanas@yahoo.com.br! 


Dom não é loucura
Louca e descontrolada,
Arruinada e apedrejada,
Alma fraca e desamparada,
Seus olhos se enchem de água,
Na história contada,
De sua filha amada - traumatizada.

Nova e bonita,
Sensual, grafita
O nome dele em seu braço,
Em um simples traço,
Em que o amor é perfeição:
E não sinônimo de rejeição,
Da vida que nos leva,
Dos dias que neva,
No nosso olhar,
No nosso pensamento,
No nosso calhar
De todas as poesias que lamento,
Sofrer pela morte dele,
Morrer pela doença – na sua não-crença
De que a vida é dom,
E as pessoas são anjos.

No andar apressado,
No cabelo balançado,
Entre todas as coisas vivas,
Não escutamos quem nos quer bem;
Quem nos quer zen.
Não é loucura,
Não é imaginação,
É cuidado,
Dedicação,
Para que nosso sorriso seja permanente,
E nossa religião mais quente,
Em nossos corações quando a vida nos trapacear,
Em nossas nações quando os dias quiserem matar,
O quê de melhor temos,
O que de mais precioso escondemos. 

Oh mulher,
Não tenha medo,
Ela só preciso de um tempo,
Para sentir falta dele,
Deitar na cama de amor,
Sentir um pouco dessa dor,
E então...
Viver.
Acordar, sorrir,
Vir aqui e atormentar
Momentos que não cultivaram,
Sorrisos que nunca terminaram,
Dedos  que nunca se entrelaçaram.
Não tenha medo,
De avisar quem te pede,
Não tenha medo,
A vida é uma eterna lição,
Mas eu vejo...
Você está entregando seu coração,
Numa solução em que talvez não haja jeito,
A não ser encostar no seu peito
E chorar.
Não tenha medo mulher,
Não tenha receio,
Seu dom é divino,
E eu sei disso.
Ela vai te abraçar,
Te amar,
E você irá revidar,
Com um grande " sempre estive aqui".
Ponto final.


Xoxo,
Carol

abril 10, 2017

(Resenha) O sol também é uma estrela, by Nicola Yoon


Informações técnicas
Autora Nicola Yoon
Editora ARQUEIRO - SEXTANTE
Ano de Ediçãov2017
Nº de Páginas 288

                                       Sinopse
Primeiro lugar na lista de mais vendidos do The New York Times.
“Poético e envolvente, cheio de esperança, dor... e toda a vibração universal do coração humano.” – Booklist
“Emocionante e surpreendente.” – Publisher’s Weekly
Natasha: Sou uma garota que acredita na ciência e nos fatos. Não acredito na sorte. Nem no destino. Muito menos em sonhos que nunca se tornarão realidade. Não sou o tipo de garota que se apaixona perdidamente por um garoto bonito que encontra numa rua movimentada de Nova York. Não quando minha família está a 12 horas de ser deportada para a Jamaica. Apaixonar-me por ele não pode ser a minha história. Daniel: Sou um bom filho e um bom aluno. Sempre estive à altura das grandes expectativas dos meus pais. Nunca me permiti ser o poeta. Nem o sonhador. Mas, quando a vi, esqueci de tudo isso. Há alguma coisa em Natasha que me faz pensar que o destino tem algo extraordinário reservado para nós dois. O Universo: Cada momento de nossas vidas nos trouxe a este instante único. Há um milhão de futuros diante de nós. Qual deles se tornará realidade?


"Para fazer uma coisa simples como uma torta de maçã,você precisa criar o mundo inteiro." Página 9 


O quê falar de um livro que te conquista logo no prólogo?Há indagações e poesias; amor á primeira vista  por essa autora.Não sabia que esse livro seria tão fabuloso ao solicitá-lo pela Arqueiro.

Temos vários POVS( pontos de vistas) aqui.Natasha e Daniel são os protagonistas dessa história INCRÍVEL, mas ainda sim a autora aborda a personalidade de cada personagem que participa de alguma forma do enredo.Tudo parece estranho na vida deles: O irmão de Daniel está quase sendo expulso da faculdade( uma das melhores), e a família de Natasha está sendo deportada dos EUA, pois são imigrantes.Antes da história ingressar, percebemos que há um excesso bonito(ahahah) de pensamentos poeticos dos personagens.Temos uma descrição dos sentimentos de uma mulher que trabalha no USCIS: Serviço de Imigração e Cidadania dos EUA.Há POVS do presente, passado e futuro.Isso pode confundir um pouco a cabeça do leitor, mas com o passar do tempo conseguimos acompanhar o raciocínio da autora.

Além de tudo isso, temos outro embate aqui: Daniel é asiático e Nat é negra.Já pensaram na pressão né? Você ama o Daniel pela sua habilidade de amar as pessoas e transformar isso em poesias e quer dar um beijo na Nat por uma personalidade tão forte e única.

O livro não tem uma SUPER histórias, mas esses pequenos elementos que constroem essa narrativa diferente e fluída nos fazem pensar em várias coisas do nosso cotidiano.Espero que vocês tenham ficado tão curiosos com o desenvolvimento dessa história quanto eu,rs.De uma forma geral, o livro fala sobre liberdade,amor ao próximo e o amor próprio.

Xoxo,

Carol

abril 07, 2017

(Além dos Versos) Campo de Batalha,by Marcos R.

Olá galera, tudo bem?Venho aqui trazer mais alegria, poesia, e rimas,rs.Lembrando que quem quiser participar dessa categoria aqui no blog é só entrar em contato comigo pelo carolina.hermanas@yahoo.com.br! Vai ser um prazer enorme conhecer o coração de vocês :)
Trago aqui mais uma poesia do meu amigo Marcos Roberto!


No campo de batalha


Aos que padecem no campo de batalha;
Não tem covas para seu descanso;
Nem rosas como companhia;
Se conseguir sentir o peso dos sentimentos das almas;
Jogará sua vida para que seus companheiros avancem;
Basta acreditar que no final de tudo a vitória é certa;
Se for capaz de sentir o desejo das almas;
Derramará seu sangue nesta luta;
Batalha no reino da floresta das canções;
Não tema a si próprio;
Não tema o inimigo;
A morte não existe para o cavaleiro errante;
Ao que cavalga em busca de uma nova batalha;
Um novo desafio;
A alma vive na eterna luz;
Basta acreditar que no final de tudo a vitória é certa;
Queimarão suas vidas nessa jornada;
Nas chamas da batalha;
Se conseguir sonhar o sonho das almas; 
Os olhos abrirão mais um dia;
Até que o ciclo reinicie;
Que ao menos descansem em paz com suas espadas.

                                                                                                    Marcos Roberto Santos    18/05/2015