novembro 10, 2016

(Resenha) Quando o amor bater á sua porta, by Samanta Holtz

               
Informações técnicas
NÚMERO DA EDIÇÃO 1
IDIOMA Português
ANO DA EDIÇÃO 2016
MARCA Arqueiro
I.S.B.N. 9788580415971
NÚMERO DE PÁGINAS 304

                                                    Sinopse
Ele tem um passado do qual não se lembra. Ela precisa esquecer o seu.

Malu Rocha é uma escritora de 29 anos independente, confiante e bem-sucedida. Mora sozinha em São José dos Pinhais, perto de Curitiba, onde mantém uma rotina regrada de pedalar todas as manhãs, escrever e, semanalmente, visitar o avô de 98 anos em uma casa de repouso.

Porém sua vida toda controlada sai do eixo quando um homem bate à sua porta e se apresenta como Luiz Otávio Veronezzi, dizendo ter perdido uma reunião marcada com ela. Malu não se lembra do compromisso e sua primeira reação é dispensá-lo. Mas o belo desconhecido insiste, explicando que sofreu um acidente de carro, ficou em coma e perdeu a memória, assim como seus documentos. As únicas coisas que restaram foram um pouco de dinheiro e um papel com o nome e o endereço de Malu, o nome dele e a data da reunião. Luiz confessa que a escritora era sua última esperança para descobrir a própria identidade.

O problema é que ela não tem a menor ideia de quem ele seja.

Desconfiada, mas sentindo-se responsável pelo acontecido, Malu decide ajudá-lo e embarca em uma jornada para descobrir quem ele é – o que acaba trazendo à tona muitos fatos sobre si mesma, seus medos e segredos mais bem guardados, além de um passado que preferia esquecer.

A bela narrativa e a trama que prende do começo ao fim nos convidam a acompanhar Malu e Luiz nessa busca que se transforma em uma história de amor de tirar o fôlego.



O Brasil tem valorizado mais nossos autores nacionais, por isso nem hesitei em pedir esse livro para a Arqueiro( lembrando sempre que é a editora parceira do blog).E como resultado da escolha, me apaixonei pela autora e pela história logo no começo.Temos uma playlist para poder conduzir a história( e eu estou in love pelo James Bay) e com isso embarcamos no livro.
Samanta é rica nos detalhes e totalmente imersa nos sentimentos dos personagens.Presa á esse fato importante para a continuação da história, conhecemos Malu, uma escritora que mora em Curitiba e parece viver de modo muito chato.Completamente oposta á ideia do amor, conhecemos aqui uma personagem que cansou de ser uma escritora famosa de clichês românticos.


- "O que é o amor para Malu Rocha?" - Página 11


Uma jornalista faz essa pergunta e nossa protagonista fica completamente perdida na resposta.Escapa e com essa dúvida e sentimento rancoroso começamos a mergulhar na vida de uma escritora brasileira infeliz.
Achei tão legal o modo como a Samanta aborda a escrita aqui como uma profissão( assim como sempre lemos nos livros dos estrangeiros né?) e não expondo isso como se fosse uma novidade de outro mundo( vocês, amigos brasileiros, entenderam né?).E esse ponto realmente foi só mais um fator para que eu desse continuidade na história.
A história é narrada em terceira pessoa e com isso temos uma visão geral do que acontece na vida de Malu.Divide seu dia entre visitar o avô na casa de repouso( ela o ama loucamente) e passar algum tempo pedalando pela sua cidade.

Cansada do "felizes para sempre" da maioria de suas obras, Malu decide por tentar um novo final( mais independente e heroína, dessa vez) e é quando, acidentalmente, o cara Luiz Otávio aparece na porta de sua casa.Ah, tudo bem isso acontecer, desde que ele não tenha o mesmo nome do personagem que ela está criando na nova história.Meio louco,hm?
Malu, pela primeira vez encantada e adormecida na possível paixão repentina, ajuda o homem desconhecido á descobrir pistas sobre o seu passado( já que ele parece completamente perdido nos seus próprios passos).

Essa história mexeu comigo de tantas formas.Primeiro, temos aqui a protagonista ressaltando a importância do amor próprio.Claro que, da maneira que foi colocada na história, não está certo.Precisamos equilibrar nosso coração para que uma possível decepção seja compreendida.Fechar o coração para novas oportunidades?Negativo.
Eo quê é esse homem?Ele transforma a Malu na pessoa que sempre deveria ter sido e não no molde que precisou ser para conseguir realizar alguns dos seus maiores sonhos.Fala sobre superação,amor entre homem e mulher e também sobre viver.Isso, o principal conselho da Samanta é: viva, mesmo que quebre a cara depois.Entenderam?

Espero que tenham gostado.

Xoxo,
Carol.

5 comentários:

Carol Cristina disse...

Adorei a resenha Carol!
Só tenho lido maravilhas sobre o livro, e fico curiosa pois nunca li nada da Samantha Holtz.
A premissa é um amor ♥
Bjs
http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

Letícia Olegario disse...

Adorei a resenha, quero muito ler esse livro
beeijos
http://bellapagina.blogspot.com.br/

thaila oliveira disse...

eu amei a capa e o enredo romântico ja me conquistou

http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

Diário das Dicas disse...

Que livro fofo ♥ beeijo
www.diariodasdicas.com

Amélia M. disse...

Preciso ler esse livro. Obrigada pela recomendação, eu realmente estava precisando de uma! Abraço <3

http://alegoriadaprimavera.blogspot.com.br/

Postar um comentário