março 11, 2016

Lançamentos de Março(Grupo Autêntica) - Gutenberg e Nemo

“Izzy sempre sonhou em viver um conto de fadas. Mas, por ora, ela teria que se contentar com aquela história dramática.”

A doce Isolde Ophelia Goodnight, filha de um escritor famoso, cresceu cercada por contos de fadas e histórias com finais felizes. Ela acreditava em destino, em sonhos e, principalmente, no amor verdadeiro. Amor como o de Cressida e Ulric, personagens principais do romance de seu pai.

Romântica, ela aguardava ansiosamente pelo clímax de sua vida, quando o seu herói apareceria para salvá-la das injustiças do mundo e ela descobriria que um beijo de amor verdadeiro é capaz de curar qualquer ferida.

Mas, à medida que foi crescendo e se tornando uma mulher adulta, Izzy percebeu que nenhum daqueles contos eram reais. Ela era um patinho feio que não se tornou um cisne, sapos não viram príncipes, e ninguém da nobreza veio resgatá-la quando ela ficou órfã de mãe e pai e viu todos os seus bens serem transferidos para outra pessoa.

Até que sua história tem uma reviravolta: Izzy descobre que herdou um castelo em ruínas, provavelmente abandonado, em uma cidade distante. O que ela não imaginava é que aquele castelo já vinha com um duque…




Se a vida é a ficção que existe entre a verdade e a mentira, será que um escritor pode roubar a alma de uma pessoa?

Laura gostava de chuva… a garoa era reconfortante. Sua vida era perfeita como um lago de águas calmas: ela era uma editora consagrada, tinha um marido amoroso e uma filha carinhosa e esperta. Mas quando Edgar apareceu em seu escritório com um semblante misterioso e o manuscrito de uma história ruim, ela sentiu que uma tempestade estava prestes a começar. Algo nele era tão desconcertante que Laura não conseguiu dispensar aquele arremedo de escritor.

Edgar estava no olho do furacão. Era um cara viajado, interessante, falava vários idiomas, mas não estava preparado para ser pai nem para a aspereza de um casamento sem afinidades. Ele nunca se sentiu atraído pela trivialidade de uma vida cotidiana, mas tampouco lhe interessava a ideia de ser trocado, de ver sua mulher se apaixonar por um exemplar corriqueiro de terno e gravata, e testemunhar a aproximação entre sua filha e um pai que não era ele. Decidiu que não aceitaria isso de mãos atadas.

Foi numa avenida com jeito de encruzilhada que eles se encontraram. Que se olharam, mas não se viram. Mas foi na Literatura que eles se perceberam, se descobriram… E quando duas vidas se cruzam no meio de uma tarde chuvosa, o amor pode vir de onde a gente menos espera.

Mas o que acontece quando o amor acaba? Quando cada esquina é uma possibilidade de encontro e cada curva é uma chance de recomeço, como saber qual caminho seguir?




Três garotos subiram a montanha, mas nenhum deles voltou…

Ainda muito jovem, Troy Stotts viu sua mãe definhar e morrer diante de seus olhos. Inconformado com a perda, Troy mal fala com o pai, mas encontrou um refúgio para curar sua dor no afeto e na camaradagem de seus melhores amigos: Tom Buller, um rapaz audacioso e destemido, filho de um alcoólatra; Gabriel Benavidez, um garoto inocente e bondoso, mas esperto o bastante para saber que seu pai nunca o considerará digno de herdar o rancho da família; e Luz, irmã de Gabriel, uma garota astuta e valente, por quem Troy é apaixonado desde a infância.

Tudo o que eles querem é passar as férias de verão aproveitando aquilo que Troy chama de cura fantasma, que é quando o tempo parece parar, e então eles não precisam lidar com o passado nem encarar o futuro. Mas antes que o verão termine, os garotos vão trilhar caminhos fatais e perigosos, e vão cruzar com pessoas que mudarão suas vidas: Rose, uma misteriosa anciã que vive sozinha em terras dominadas por cavalos selvagens; e Chase Rutledge, o filho delinquente e arrogante do xerife.

Depois de uma sucessão de eventos terríveis e inesperados, Troy e seus amigos só queriam desaparecer. Mas, em vez disso, eles serão obrigados a enfrentar seus fantasmas interiores e vão descobrir que não há cura alguma que possa impedir ou adiar a morte, a não ser uma cura invisível.





DESCOBRINDO POR TRÁS DAS DESCOBERTAS!

Em um passado não tão distante, as certezas que temos hoje em relação à Ciência já foram taxadas como absurdos dignos de contos de ficção científica. Inclusive, muitas das ideias apresentadas em histórias famosas provaram-se mais exatas que inúmeras teorias defendidas por séculos.

De centenas de anos antes de Cristo até a atualidade, este livro nos traz os principais fundamentos e conceitos que modificaram a nossa visão do cotidiano. Teorias, princípios e descobertas para você absorver de uma maneira descontraída e fácil, divididos em capítulos rápidos!

Lendo na ordem cronológica em que as teorias foram descobertas ou folheando ao acaso, descubra a resposta para perguntas como:

Por que os homens são de Marte e as mulheres são de Vênus?
É verdade que a anestesia foi descoberta em uma festa?
Quem é a mulher que a Física resolveu esquecer?
Como uma música dos Beatles ajudou a batizar o mais antigo fóssil já descoberto?
Realmente encontramos a tal da partícula de Deus?
Sua jornada através do tempo, do espaço e da mente humana já pode começar. Boa viagem!





Aos 35 anos, Margaux Motin narra os erros e acertos que abalaram sua existência em páginas repletas de humor e realidade. Uma separação e um novo amor mudam radicalmente sua vida de mulher com trinta e poucos anos de idade; uma época em que decisões abruptas podem levar a consequências desastrosas.




8 comentários:

thaila oliveira disse...

Tessa Dare é uma autora que quero conhecer através de uma de suas histórias
http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

Jéssica Soares disse...

Oi, Carol! Tudo bem?
Desses lançamentos, estou super de olho em "A Cura Invisível", apesar de não ter curtido a capa, a sinopse me empolgou! Já pelo contrário, adorei tanto a capa de "Placas Tectônicas" (é uma HQ, né?). Não é o tipo de história que acabo lendo, mas essa capa já despertou meu interesse! Bjs
Jéssica S. - http://lereincrivel.blogspot.com.br/

Wendyel disse...

Oi Carol, tudo bom?

Confesso que os livros que mais me interessaram foram: Depois da Chuva, Ideias Geniais e Placas Tectônicas.
Adoro essas histórias em que personagens se confrontam com o modo de cada um ser ou viver. Acredito que cada um tem no que crescer.
Em relação a Ideias Geniais, me deixou bastante curiosa. Pois, deve explicar tanta coisa que a gente sabe a respeito da ciência de uma forma divertida.
Placas Tectônicas me faz lembrar daquele enredo da crise dos trinta, ainda me falta um pouco para chegar lá. Mas acho super válido entender cada fase da vida.

http://tecidodoce.com/

Carol Cristina disse...

Adorei os 2 primeiros livros, Carol!
Preciso conhecer logo a escrita da Tessa Dare *-*
Beijos (voltamos das férias!)
http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

Cn Nous disse...

Você sugeri morangos, pêssegos e melancias no fim de verão e a gente nem sabe o que optar, além de uma salada de frutas ... vou comprar creme,
tank's
e um bom fim de semana.

Morena de Mentira disse...

Gostei muito do segundo... estou numa fase de ler livros diferentes, sabe... Beijos

morenadementira.blogspot.com

Caverna Literária disse...

Quero muito esse da Tessa! Nunca recuso um bom romance de época hahah

xx Carol
http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

Bárbara Carollo disse...

Que capa é essa de "Romance com o Duque"??? <3 :)
Vou ficar de olho nas resenhas!!
Beijos,

http://versosenotas.blogspot.com.br/

Postar um comentário